Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
12/04/19 às 12h56 - Atualizado em 16/01/20 às 14h24

Educação libera mais R$ 5 milhões do PDAF

COMPARTILHAR

Com estes recursos, as escolas já estão utilizando R$ 14 milhões liberados da 1ª parcela do PDAF 2019

 

Thaís Rohrer,Ascom/SEEDF

 

A Secretaria de Educação do DF liberou esta semana mais R$ 5 milhões para escolas da rede pública do Programa de Descentralização Administrativa e Financeira (PDAF). O pagamento, referente à 1ª parcela de 2019, está ocorrendo de forma gradativa. Até agora, 177 escolas já foram beneficiadas com a 1ª parcela do programa de 2019, atingindo o valor geral de R$ 14.329.798 pagos de um total de R$ 48.485.410. Os pagamentos estão ocorrendo prioritariamente para as escolas que não haviam recebido a 2ª parcela de 2018.

 

Foto: Luiz Tavares,Ascom/SEEDF

“O pagamento põe fim à angústia dos gestores, que sofriam há mais de um ano, sem saber o dia de amanhã”, afirma o secretário de Educação, Rafael Parente, explicando que o Programa é vital à gestão das escolas e regionais de ensino. Algumas regionais já vinham socorrendo as escolas redirecionando recursos originalmente previstos para outros fins para suprir o abastecimento de gás, além das demais despesas custeadas por meio do PDAF: aquisição de material de expediente, material pedagógico, utensílios e produtos de limpeza para cozinha, além de pequenos reparos.

 

O Centro de Ensino Médio 02 de Ceilândia recebeu a 1ª parcela do PDAF de 2019 e já começou a benfeitorias no local. Está instalando bancadas no laboratório de informática e um novo layout na biblioteca. A escola tem 1.980 estudantes e teve R$ 108 mil liberados no programa referentes a essa primeira parte. O diretor do CEM 02, Wilson Venâncio, fala da importância do investimento do PDAF na unidade: “A escola tem a liberdade de usar o dinheiro de acordo com as necessidades. O PDAF nos ajudou na instalação de um auditório, investimos em aparelhos de som, data show e TVs para escola. Esse dinheiro reflete em melhorias pedagógicas e estruturais. O resultado dos nossos estudantes mostra que estamos no caminho certo. Temos muitas aprovações nas universidades, inclusive em cursos muito concorridos, como medicina”.

 

O valor total da 1ª parcela do PDAF de 2019 destinado para as escolas da rede pública é de R$ 48.485.410. As unidades que ainda não receberam os valores terão os recursos liberados gradativamente após avaliação da documentação necessária por meio de processos individualizados abertos no Sistema Eletrônico de Informação (SEI).

 

Uma lista prioritária com as escolas que não receberam a 2ª parcela do PDAF em 2018 tiveram preferência para pagamento da parcela neste ano. A Secretaria está buscando uma solução para viabilizar o pagamento da 2ª de 2018, quando a maioria delas não teve tempo hábil para emissão da nota de empenho. “O PDAF é de extrema importância para o funcionamento das unidades escolares e um cronograma se faz necessário para que o planejamento seja cumprido. Este pagamento chega em boa hora em nossas escolas visto que muitas já não possuem dinheiro nem para comprar itens importantes, como o gás para fazer a merenda”, destaca Álvaro Souza, coordenador da Regional de Ensino do Plano Piloto e Cruzeiro.