Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal

Mesa Redonda

O Festival de Brasília do Cinema Brasileiro tem como tradição a realização de palestras e mesas redondas voltadas ao público participante. Nessa 51ª edição, o Festival de Filmes Curta-Metragem das Escolas Públicas de Brasília será responsável por uma das mesas, apresentando como temática “A Educação e o Audiovisual”.

 

Trata-se de importante reflexão no ano em que a Secretaria de Estado de Educação do Distrito Federal visa a implementação da Política de Audiovisual na rede pública de ensino do Distrito Federal.

 

Confira a data e horário na programação oficial do 51º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro tão logo esta se encontre disponível.

 

Teremos como palestrante a professora Virgínia Gualberto:

 

Professora Associada do Centro de Educação da UFPB; líder do Grupo de Pesquisa “Políticas Públicas, Gestão Educacional e Participação Cidadã”, atua nas Linhas de Pesquisa “Políticas Públicas e Práticas Educativas” e “Linguagens Audiovisuais, Formação Cidadã e Redes de Conhecimento”, nas quais coordena o Projeto Educação Legal e o Projeto Cinestésico – Cinema e Educação, respectivamente.

 

Graduada em Letras (UFRJ), Comunicação Social (UFPB) e Cinema e Audiovisual (UFF), Mestre em Educação (UFRJ), Doutora em Educação (UFF/RJ) e Pós-Doutora em Educação (UERJ). Cineclubista desde a década de 1970. Em 2008, idealizou e coordenou a primeira edição da Mostra Interestadual do Cinema Paraibano, que pesquisa, exibe, divulga e debate a produção cinematográfica de diversas cidades paraibanas em diferentes municípios e instituições nos estados do Rio de Janeiro e da Paraíba. Em 2018, a Mostra cumprirá a sua 11a edição. Coordena, ao lado do cineasta Torquato Joel, há 7 anos, o Projeto JABRE – Laboratório Paraibano para Jovens Roteiristas, que em suas 8 edições realizou alguns frutos de sucesso na cena do curta metragem nacional. Ministra cursos, mini-cursos e oficinas de linguagem cinematográfica em diversas regiões do Brasil. É roteirista e diretora de cinema, tendo realizado, dentre outros, “Adiós, Jampa Vieja!”, “Diabolin” e “Costureiras”.

 

 

Filme: Diabolin

Ano de produção: 2014

Diretoras: Virgínia de Oliveira Silva e Mailsa Passos

Sinopse: O cotidiano de um homem comum que, para garantir a sua sobrevivência e a de seus filhos, realiza ações excepcionais pelas ruas e praças de duas cidades pernambucanas: Olinda e Recife.