Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
20/07/21 às 18h48 - Atualizado em 22/07/21 às 8h26

Obras começam no Gama e Planaltina

COMPARTILHAR

Com mais de R$ 8 milhões investidos, dois Centros de Educação da Primeira Infância tem capacidade para atender até 792 crianças

 

Por Íris Cruz, Ascom/SEEDF

 

 

 

Foram assinadas nesta segunda-feira, 19, as ordens de serviço para início das obras de construção de duas novas creches no DF, uma em Planaltina e outra no Gama. Os canteiros de obras começam a ser montados nos próximos dias e as obras têm previsão de término até 14 de maio do próximo ano.

 

Cada um dos dois centros de educação da primeira infância (CEPI) terá capacidade para atender 396 crianças, se divididas em dois turnos, ou 188 em período integral.

 

Com o intuito de estimular o desenvolvimento de todos os estudantes matriculados na educação infantil, os ambientes prometem proporcionar o crescimento dos pequenos, assim como o amadurecimento psicológico, intelectual e social.

 

A estrutura física das duas escolas seguirá o mesmo plano e os projetos serão divididos em dois blocos. O primeiro com hall, secretaria, sala de professores, direção, almoxarifado, lactário, sala de atividades, fraldário, dois solários, área de amamentação, copa, varanda de serviço, pátio de serviço, cozinha, banheiro e lavanderia.

 

Já o segundo bloco será composto por quatro salas de atividades, dois banheiros infantis, quatro solários, sala multiuso, quatro salas de pré-escola e dois banheiros de professores.

 

Os recursos das duas obras são da Secretaria de Estado de Educação e do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). Ambas as construções tiveram licitação da Novacap.

 

Planaltina

 

Terreno em Planaltina tem área de 4.703,32 m2. Foto: Álvaro Henrique, Ascom/SEEDF

 

O terreno de Planaltina, localizado na quadra 23, Área Especial 6, tem área de 4.703,32 m2 e os estudantes serão recebidos em um ambiente amplo, com área construída de 1.311,97 m2. O investimento será de R$ 4.139.568,48 e a empresa responsável pela obra é a AJL Engenharia e Construção Eireli.

 

Gama

 

Construtora Brasil Central é a responsável pela obra na EQ 1/2 do Gama. Foto: Álvaro Henrique, Ascom/SEEDF

 

Já com terreno de 4.950 m2, na EQ 1/2, Área Especial do Gama, a escola a ser construída na regional também terá área de 1.311,97 m2. A empresa Construtora Brasil Central vai executar a obra no valor de R$ 4.282.019,12.

Leia também...