Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
7/05/18 às 9h49 - Atualizado em 30/10/18 às 14h09

Prêmio Professores do Brasil motiva educadores

COMPARTILHAR

As inscrições para premiação nacional foram prorrogadas para o dia 28 de junho

 

João Amador, AscomSEEDF

 

Combater o bullying por meio da poesia. A ideia de que a educação vai muito além de conteúdos ministrados em sala de aula levou a professora Raquel Lima Alves à etapa nacional do prêmio Professores do Brasil no ano passado.

 

Foto: Vladimir Luz, Ascom|SEEDF

Educadora no Centro Educacional Gesner Teixeira, localizado entre Santa Maria e o Novo Gama (GO), Raquel percebeu que havia uma situação problemática. Por estar situado em uma região próxima à divisa entre DF e Goiás, a escola recebe estudantes das duas unidades da federação. Mas os alunos não viam com bons olhos a divisão. “Percebemos que havia bullying em relação aos estudantes de bairros mais pobres, principalmente do entorno”, conta a professora.

 

Para combater a discriminação e aumentar a autoestima dos alunos, Raquel propôs a produção de textos que mostrassem aspectos positivos de onde os jovens viviam. As obras foram apresentadas em um sarau na escola. As três melhores foram encaminhadas para a Olimpíada de Língua Portuguesa. Entre as poesias enviadas, uma foi escolhida, garantindo à autora e à professora uma viagem para participar presencialmente do evento, em Salvador.

 

Mas o projeto foi ainda mais além. A professora soube do prêmio Professores do Brasil e fez questão de inscrever a ideia, que acabou vencedora da etapa regional na categoria ensino fundamental. Com a conquista, Raquel recebeu uma premiação de R$ 7 mil, materiais didáticos, além de uma viagem para fazer um curso na Irlanda neste mês de maio.

 

Mas para a educadora, a premiação é apenas uma parte dos benefícios da iniciativa. “Profissionais ficam felizes em divulgar o que estão fazendo e mostrar à sociedade a importância do trabalho do professor. Esse prêmio é uma forma de motivar quem ama o que faz e que realmente se propõe a fazer a diferença”, ressalta Raquel.

 

A experiência, segundo ela, ainda traz novas possibilidades para o futuro. “Quero usar os aprendizados recentes para outros projetos em sala de aula”, aponta a professora, atualmente afastada de sala de aula para a conclusão de um mestrado em psicologia.

Inscrições abertas

As inscrições para o prêmio Professores do Brasil estão abertas até o dia 28 de junho. Podem participar professores da educação básica em estabelecimentos de ensino dos sistemas públicos de ensino federal, estaduais/distrital e municipais e, ainda, das instituições educacionais comunitárias, filantrópicas e confessionais, conveniadas.

 

Os interessados devem se inscreve no site da premiação, enviando um formulário e um vídeo com a apresentação do projeto desenvolvido na escola. Mais informações e o regulamento completo também podem ser consultados na página do prêmio.

 

Leia:

Inscrições para o Prêmio Professores do Brasil são prorrogadas para o dia 28 de junho