Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
23/03/22 às 15h15 - Atualizado em 25/03/22 às 15h58

Escola infantil novinha para Taguatinga

CEI 10 vai atender até 220 alunos com estrutura de 700 m²

Hédio Ferreira Júnior, da Agência Brasília | Edição: Chico Neto

 

Governador Ibaneis Rocha e secretária de Educação, Hélvia Paranaguá, inauguram CEI 10 para beneficiar crianças de Taguatinga. Foto: André Amendoeira | Ascom/SEEDF

 

O Governo do Distrito Federal (GDF) entregou nesta quarta-feira (23) uma nova escola destinada a crianças de 4 e 5 anos de Taguatinga. Construído a partir da adaptação da antiga biblioteca do Centro de Ensino Médio (CEM) 05, na QNJ 56, o Centro de Ensino Infantil (CEI) 10 passa a atender até 220 alunos em dois turnos, ajudando ampliar a oferta de vagas na fase pré-escolar (primeiro e segundo períodos).

 

A gente quer exatamente isso: melhoria para as nossas crianças, para que elas tenham um futuro muito melhor do que aquelas que no passado não tiveram a mesma oportunidade”, declarou o governador Ibaneis Rocha, presente à cerimônia de inauguração juntamente com outras autoridades.

 

Construída em uma área de 700 m², a nova unidade de ensino tem cinco salas de aula e uma ala administrativa completa com sala dos professores, cantina, refeitório, despensa e banheiros. Tem ainda um pátio de recreação com brinquedos, estacionamento e aparelhos de TV em todas as turmas e em parte da administração.

 

Custo da obra é de cerca de R$ 2 milhões, somando recursos originários do Pdaf, de emendas parlamentares e contrato de manutenção. Para a secretária de Educação, Hélvia Paranaguá, a nova escola é um exemplo positivo da gestão pública: um espaço sem uso que foi reformado e adaptado para receber crianças da pré-escola. “Estamos construindo mais 20 unidades de ensino no Distrito Federal e, com isso, cumprindo o compromisso de levar escolas nos locais em que há demanda”, afirmou.

 

Executada com recursos do Programa de Descentralização Financeira e Orçamentária (Pdaf), de emendas parlamentares e do contrato de manutenção que dá suporte à região, a obra teve um custo de aproximadamente R$ 2 milhões – incluindo adaptação, manutenção e mobiliário do prédio.

 

Deste valor, R$ 464.241,07 são do Pdaf regular da Secretaria de Educação (SEE). Outros R$ 886.785,54 vieram de emendas parlamentares dos deputados distritais Jaqueline Silva, Jorge Vianna, Leandro Grass, Martins Machado, Reginaldo Veras e Robério Negreiros. O restante foi contemplado pelo contrato de manutenção mantido pela pasta para atendimentos às escolas.

 

O administrador regional de Taguatinga, Renato Andrade, lembrou que a construção da CEI 10 cumpre a determinação do governador Ibaneis Rocha de ampliar o número de vagas na rede de ensino. Para ele, essa é uma das entregas mais importantes na região. “Não é só abrir mais uma escola, mas dar oportunidade de educar e oferecer mais conhecimento às crianças”, afirmou.

 

Mais investimentos

 

Somente pelo contrato de manutenção que atende Taguatinga, foram aplicados R$ 15.322.389,21 nos mais variados serviços, contemplando 51 das 59 escolas da rede pertencentes à região.

 

Até o fim deste mês, será entregue à comunidade a Escola Classe (EC) 52 de Taguatinga, reformada, com 19 salas de aula, 4.464,82 m² de área construída e capacidade de atendimento de até 1.254 estudantes em dois turnos.

 

Além disso, há três creches planejadas para a região, uma delas em fase de licitação e na mesma quadra e terreno onde hoje estão o CEI 10, a EC 29, o CEF 19 e o CEM 05. “O aluno poderá entrar aqui e já sair formado, tudo no mesmo complexo escolar”, destacou o coordenador regional de Ensino de Taguatinga, Murilo Marconi.

 

Entrega CEI 10 Taguatinga

 

Governo do Distrito Federal