Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
22/03/18 às 18h45 - Atualizado em 30/10/18 às 14h09

Projeto Chef e Nutri na Escola retomado 

COMPARTILHAR

 

João Gabriel Amador, Ascom/SEEDF

 

 

Sucesso no ano passado, o projeto Chef e Nutri da Escola retomou suas atividades em 2018. Nesta quinta-feira (22), o Centro de Ensino Infantil 304 do Recanto das Emas estreou os trabalhos ao receber o chef Sebastian Parasole, coordenador do curso de Gastronomia do Centro Universitário IESB e idealizador do projeto.

 

Logo pela manhã, o chef e as merendeiras da escola já começaram a preparar os alimentos para o almoço. O cardápio escolhido incluiu peixe assado com tomate, arroz, salada de cenoura e beterraba, além da sobremesa composta por maçãs assadas com doce de leite e farofa de biscoito.

 

Merendeira há 10 anos, Geralda da Silva Azevedo se impressionou com as técnicas apresentadas pelo chef. “Ele é muito organizado, mantém a tranquilidade e consegue fazer os pratos com rapidez.

 

Foto Luis Tavares, Ascom/SEEDF

Aprendi muita coisa que vou usar aqui na cozinha e até em casa”, contou a cozinheira.

 

Para o chef, as mudanças causadas na cozinha estão entre os pontos primordiais do projeto. “Os resultados mais perceptíveis do trabalho acontecem quando as merendeiras absorvem as criações, as dicas, pois assim o conhecimento passado é levado adiante”, ressaltou Sebastian Parasole.

 

Próximo da hora do almoço, chegou a vez dos estudantes entrarem em cena. Um grupo de 10 alunos com idade de cinco anos vestiram seus aventais e conheceram a cozinha da escola. Com orientação e alguma ajuda, os pequenos foram responsáveis por servir os quase 400 colegas que estudam na unidade, que atende crianças de 0 a 5 anos.

 

A pequena Lara Rafaela, de cinco anos, aprovou a experiência. “Achei muito legal servir e entregar os pratos para os outros”, relatou a estudante. Já Samuel Rocha, também de cincos anos, destacou o cardápio. “O que mais gostei foi o peixe. Estava muito bom”, afirmou mostrando a barriga.

Cronograma

O modelo piloto do projeto Chef e Nutri na escola foi colocado em prática em 2016, no Centro de Ensino Fundamental (CEF) 1 do Guará. Devido ao sucesso da iniciativa, o projeto ganhou atenção dos integrantes da Diretoria de Alimentação da Secretaria de Educação, que decidiram por ampliá-lo para outras regionais de ensino.

 

Em 2017, o programa recebeu melhorias e passou por outras regionais, alcançando oito escolas, mais de 1,1 mil alunos da rede pública, além das dezenas de merendeiras.

 

Para este ano, ainda não há especificação de datas e unidades que serão contempladas. Porém, as regionais que receberão as visitas já foram definidas.

 

Confira:

 

Março – Recanto das Emas
Abril – Samambaia
Maio – Santa Maria
Junho – Ceilândia
Agosto – São Sebastião
Setembro – Gama
Outubro – Plano Piloto
Novembro – Guará

 

Chefe Nutri na Escola

Leia também...