Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
28/09/20 às 18h32 - Atualizado em 6/10/20 às 17h39

Secretário de Educação anuncia novo concurso para professores efetivos em 2021

COMPARTILHAR

Também será solicitada a nomeação de 770 servidores da carreira assistência à educação aprovados em 2016

 

Natália Borgo, Ascom|SEEDF
Edição: Málcia Afonso, Ascom|SEEDF

 

Foto: Mary Leal, Ascom/SEEDF

 

A semana começou com novidades para a rede pública de ensino. O próximo concurso público para professores efetivos será aberto no fim do ano que vem. O anúncio foi feito nesta segunda-feira, 28/9, pelo secretário de Educação, Leandro Cruz, em live transmitida no canal da SEEDF no Youtube, o EducaDF. Ele também informou que entre os 821 professores efetivos convocados este ano, 185 não se apresentaram. As nomeações destes que não tomaram posse serão tornadas sem efeito para que outros 185 docentes possam ocupar as vagas.

 

“Essa é uma orientação clara do governador Ibaneis Rocha: serviço público se faz com servidor público. Para nós é fundamental ter vocês no time Educação apoiando a construção de um ensino público cada vez mais forte, gratuito e de qualidade para o DF. Esse é o nosso desafio e é para isso que vocês serão convocados”, afirmou o secretário.

 

Também participaram da live o secretário Executivo, Fábio Sousa, e o subsecretário de Gestão de Pessoas (Sugep), Idalmo Santos.

 

Temporários

 

O secretário informou, ainda, que o processo seletivo para professores temporários deve ocorrer em janeiro. Para este certame, não há número de vagas definido. Todos os aprovados passam a fazer parte de um banco e são chamados para substituições temporárias, que podem ser de apenas um turno de aula, como para períodos mais longos, entre eles, licença-maternidade e afastamento para estudos.

 

Carreira Assistência

 

Além disto, nesta terça-feira, 29/9, será enviada à Secretaria de Economia a solicitação para a nomeação de 770 servidores da carreira assistência à educação, também aprovados no certame de 2016.

 

São 35 vagas para nível superior, incluindo 24 psicólogos. As demais são para aprovados de nível médio: 97 monitores, 553 apoios administrativos e 85 secretários escolares.