Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
2/12/20 às 9h42 - Atualizado em 2/12/20 às 9h42

“16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres”

Profissionais da educação e convidadas abordam em lives, pelo canal EducaDF, temas ligados diretamente à violência contra a mulher

 

 

Segue até 10 de dezembro, Dia Internacional dos Direitos Humanos, a campanha “16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres” que, no Distrito Federal, é organizada pela Secretaria da Mulher. A Secretaria de Educação é uma das instituições parceiras da ação e está realizando uma série de lives, com o objetivo de estimular o debate e buscar conscientizar as comunidades escolares sobre os diferentes tipos de violência contra meninas e mulheres em todo o mundo.

 

Profissionais da Educação e convidadas abordam temas como violência de gênero, racismo, sexismo, violência obstétrica, mulheres na ciência e encarceramento. As transmissões, que estão acontecendo desde 25 de novembro, Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra as Mulheres, podem ser acompanhadas pelo canal da SEEDF no YouTube, o EducaDF.

 

Campanha

 

A campanha foi iniciada por ativistas no Instituto de Liderança Global das Mulheres, em 1991, e continua a ser coordenada anualmente pelo Centro para Liderança Global das Mulheres. É uma estratégia de mobilização de indivíduos e organizações, em todo o mundo, para o engajamento na prevenção e na eliminação da violência contra as mulheres e meninas (ONU Mulheres). Cerca de 150 países já aderiram à proposta.

 

No Brasil, a mobilização acontece desde 2003 e começa antes, no dia 20 de novembro, com o intuito de considerar as especificidades das mulheres negras e indígenas.

 

Além das lives, foi realizado o webinar “Reflexões e Proposições didáticas para o enfrentamento à violência contra as mulheres” e veiculado o podcast “Cultura de Paz contra o assédio: Percebendo a linha que separa o consentimento da violência”.

 

Veja aqui a programação