Governo do Distrito Federal
28/06/22 às 17h27 - Atualizado em 5/07/22 às 11h42

Escolas participam de ações de enfrentamento às drogas

Um dos objetivos é esclarecer como os cigarros eletrônicos e o narguilé são prejudiciais à saúde

Da Sejus

 

 

A Secretaria de Educação do Distrito Federal é parceira das ações da Semana Nacional de Política sobre Drogas, promovida pela Secretaria de Justiça e Cidadania desde domingo (26). Estão sendo realizadas uma série de atividades que abordam os três eixos da política sobre drogas: prevenção, acolhimento e reinserção social. E estudantes da rede pública de ensino fazem parte do público que vem recebendo orientação sobre o enfrentamento às drogas.

 

Nesta terça-feira (28), ocorreu um Cine Debate na Estrutural, nos turnos matutino e vespertino, com estudantes do Ensino Médio do Centro Educacional 1, adolescentes do Centro de Convivência e Fortalecimento de Vínculos e jovens do Centro de Convivência Coletivo da cidade. Também participaram das atividades, conselheiros tutelares e servidores CRAS e CREAS.

 

O público-alvo assistiu ao documentário “Cigarro eletrônico: Como tudo deu errado”. O objetivo é propor um debate reflexivo entre profissionais, adolescentes e estudantes da Cidade Estrutural na perspectiva da prevenção do uso e abuso dos cigarros eletrônicos comercializados no Brasil.

 

Nesta quarta-feira (29), estudantes do Centro de Ensino Médio do Cruzeiro vão receber orientações sobre como os cigarros eletrônicos e o narguilé são prejudiciais à saúde. Eles participarão do Seminário é: “Vapers e narguilé são prejudiciais à saúde: fato ou fake?”.

 

Sobre este mesmo tema, serão propostos dois painéis. O primeiro será voltado para a saúde e a qualidade de vida, com a participação de médico psiquiatra. O segundo trará uma abordagem voltada à legalidade do uso e comercialização dos dispositivos eletrônicos com a participação da Anvisa.

 

O evento contará com a participação, ainda, de representantes das Comunidades Terapêuticas parceiras da Sejus. O evento ocorrerá das 8h às 11h30 no Auditório da Adasa, na antiga Rodoferroviária. Também participam do seminário com representantes das Coordenações Regionais de Ensino do DF, incluindo pedagogos, psicólogos e orientadores educacionais.

 

Segundo a Associação Brasileira de Estudos do Álcool e outras Drogas (ABEAD), cigarros eletrônicos aumentam em mais de quatro vezes o risco de virar um fumante habitual.  “O objetivo dessa semana de ações é levar conscientização e reflexão à população, sobre como participar ativamente no combate às drogas, especialmente para o público jovem”, explica o secretário da Sejus, Jaime Santana.

Governo do Distrito Federal