Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
27/09/19 às 19h32 - Atualizado em 27/09/19 às 19h36

Estudantes do Cemeit vencem festival de música de Taguatinga

Em sua 5ª edição, o festival reuniu 14 finalistas de escolas públicas da cidade

 

Aldenora Moraes, Ascom/SEEDF

A banda Meia Lua, do Cemeit, vence o V Festival Interescolar de Música de Taguatinga com a canção Cachoeira. Foto: Luis Tavares, SEEDF

O antológico palco do Teatro da Praça, em Taguatinga, recebeu na tarde desta sexta (27/09), a final do Festival Interescolar de Música de Taguatinga (FIMT). Inaugurado em 1966 e localizado ao lado de outro símbolo da cidade, a Praça do Relógio, o local é lembrado com saudosismo pelos artistas.

 

Ariston Lima, vocalista da Banda BSB, que viveu seu auge nos anos 1980, relembra com alegria as apresentações no teatro. “Me apresentei muitas vezes neste teatro, é gratificante saber que continua honrando a tradição em ser polo de novos talentos”, comemorou.

 

O resgate do espaço cultural também foi lembrado pelo idealizador do FIMT, Juscelino Carvalho, da Coordenação Regional de Ensino (CRE) de Taguatinga. “Os jovens estão dando continuidade à promoção da cultura na cidade”, destacou.

 

A iniciativa, que contou com 14 finalistas entre bandas e cantores solo, reuniu um corpo de jurados composto por artistas da cidade. O estudante do Centro de Ensino Médio Ave Branca (Cemab), Marcus Vinícius da Silva, encantou a todos com os acordes de seu violão e sua canção “Amor”. “É o terceiro ano que participo e estou muito feliz em poder estar aqui”, destacou Marcus Vinícius. Estreante na competição, a estudante do Centro Educacional (CED) 07, Ana Júlia Martins, da Banda Ana Júlia, também elogiou a visibilidade proporcionada pelo evento.

 

UMA MENSAGEM A SER OUVIDA

 

O estudante do CED 02, Vladimir Leandro de Castro, escolheu o rap como gênero musical e apresentou a canção “Vou por aí”. Para o artista, o importante é levar uma mensagem que apresente a realidade de maneira direta. “Muitos não escutam música apenas por escutar, pois prestam atenção nas letras e assim posso levar minha mensagem ao público”, explicou o estudante da Educação de Jovens e Adultos (EJA).

O antológico Teatro da Praça foi palco para os novos talentos musicais da Rede pública de ensino. Foto: Luis Tavares, Ascom/SEEDF

 

Para a estudante do Centro de Ensino Médio Escola Industrial de Taguatinga (Cemeit) e uma das vocalistas da banda Meia Lua, Kayla de Albuquerque, ter um espaço para promover a música é essencial. A canção “Cachoeira”, composta por ela e pelo compositor Natã, deu ao grupo o primeiro lugar na competição desta tarde.

 

A banda Mudkeep, composta por alunos do CED 05, ficou em segundo lugar com a música “Um salto no escuro” e a banda 4×4, formada por alunos do CEMTN conquistou o terceiro lugar com a canção “Sentimento louco”.

 

Os três primeiros lugares receberam R$ 3 mil, R$ 2 mil e R$ 1 mil, respectivamente, para a compra de instrumentos musicais.

 

CONFIRA AQUI TODAS AS FOTOS.