Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
22/12/21 às 19h37 - Atualizado em 22/12/21 às 19h40

Mais R$ 2,5 milhões para escolas do DF

Todas as regionais de ensino foram contempladas. Só nesta semana, liberação chegou a R$ 9,4 milhões

Da Redação, Ascom/SEEDF

 

Disponibilização do recurso é feita diretamente às escolas e regionais. Foto: Mary Leal, Ascom/SEEDF

 

Um dia após a última liberação, a Secretaria de Educação do DF voltou a injetar recursos do Programa de Descentralização Administrativa e Financeira (PDAF) nas escolas da rede pública. Desta vez foram R$ 2,5 milhões destinados às 14 coordenações regionais de ensino. A portaria detalhando o destino da verba foi publicada no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) desta quarta-feira, 22.

 

Portaria CRE Capital Custeio Total
N° 655 – 2/12/2021 Brazlândia R$0,00 R$20.000,00 R$20.000,00
Gama R$0,00 R$20.000,00 R$20.000,00
Guará R$0,00 R$20.000,00 R$20.000,00
Núcleo Bandeirante R$0,00 R$25.000,00 R$25.000,00
Paranoá R$0,00 R$135.000,00 R$135.000,00
Planaltina R$0,00 R$20.000,00 R$20.000,00
Samambaia R$0,00 R$40.000,00 R$40.000,00
Santa Maria R$0,00 R$20.000,00 R$20.000,00
São Sebastião R$0,00 R$30.000,00 R$30.000,00
Taguatinga R$0,00 R$48.000,00 R$48.000,00
N° 694 – 20/12/2021 Samambaia R$ 205.000,00 R$ 25.000,00 R$ 230.000,00
N° 695 – 20/12/2021 Ceilândia R$ 30.000,00 R$ 250.000,00 R$ 280.000,00
Gama R$ 20.000,00 R$ 0,00 R$ 20.000,00
Núcleo Bandeirante R$ 99.000,00 R$ 0,00 R$ 99.000,00
Paranoá R$ 60.000,00 R$ 0,00 R$ 60.000,00
Planaltina R$ 70.000,00 R$ 0,00 R$ 70.000,00
Plano Piloto R$ 308.000,00 R$ 0,00 R$ 308.000,00
Recanto Das Emas R$ 30.000,00 R$ 0,00 R$ 30.000,00
Santa Maria R$ 264.000,00 R$ 0,00 R$ 264.000,00
São Sebastião R$ 10.000,00 R$ 0,00 R$ 10.000,00
N° 696 – 20/12/2021 Ceilândia R$ 720.000,00 R$ 0,00 R$ 720.000,00
Paranoá R$ 30.000,00 R$ 0,00 R$ 30.000,00
Sobradinho R$ 0,00 R$ 50.000,00 R$ 50.000,00

 

 

 

Só nesta semana, o PDAF já destinou R$ 9,4 milhões às escolas públicas do DF. O dinheiro será usado para fazer pequenas reformas e melhorias ou para comprar equipamentos a serem usados no processo pedagógico, como projetores, computadores, impressoras, equipamentos de audiovisual.

 

O recurso disponibilizado vem de emenda parlamentar. A transferência dos valores às regionais têm como condição o cumprimento de requisitos, como a apresentação da prestação de contas anual dos exercícios anteriores e a regularidade das prestações de contas parciais do período em que os recursos estejam sendo utilizados.

 

Cartão PDAF em 2022

 

Em 2022, as escolas utilizarão o Cartão PDAF para tornar a execução de serviços nas escolas mais ágil e a prestação de contas mais simples e transparente.A regulamentação do cartão ocorreu em novembro deste ano e cada escola e regional de ensino terão acesso a um cartão emitido pelo BRB para administrar os recursos oriundos do programa.

 

Todas as despesas feitas com o cartão serão registradas automaticamente numa plataforma eletrônica. Os fornecedores também ficarão previamente cadastrados nessa plataforma. O sistema oferecerá possibilidade de controle dos gastos em tempo real, bem como dispensará o uso de cheques ou dinheiro, o que aumenta a segurança.

 

O GDF quer fomentar a economia local com o cartão e dar a oportunidade para microempresários e empresas de pequeno porte do Distrito Federal, por isso eles terão prioridade no cadastramento de fornecedores.

 

O cartão irá funcionar por meio de parceria entre as secretarias de Educação e de Economia com o Banco de Brasília (BRB) e o Sebrae-DF.

 

Governo do Distrito Federal