Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
10/11/21 às 16h57 - Atualizado em 11/11/21 às 9h11

Motoristas cidadãos

Estudantes do ensino médio fazem curso de formação teórica para habilitação gratuitamente

Thaís Rohrer | Ascom/SEEDF

 

A formação de condutores conscientes para um trânsito menos violento é o objetivo do Programa Detran nas Escolas – Cidadania no Trânsito para Estudantes do Ensino Médio. Cuidados com o meio ambiente, respeito aos ciclistas, motociclistas, idosos e pedestres são alguns valores ensinados para os alunos da rede pública que participam do projeto. O curso de Formação Teórica para Habilitação de Condutor de Veículos Automotores é o destaque do programa e conta com a participação de seis escolas-piloto. As aulas são gratuitas e acontecem em novembro e dezembro deste ano.

 

Primeira aula do Curso no CEM 1 de Planaltina. Foto: Mary Leal | Ascom/SEEDF

 

A primeira aula do Curso para estudantes do Centro de Ensino Médio 1 de Planaltina começou nesta terça-feira, 9. Thauane Souza, 17 anos, está no 2º ano e conta que esta oportunidade a tem feito refletir sobre vários aspectos a respeito dos motoristas. “Não é simplesmente entrar no carro e sair dirigindo. Estamos inseridos na sociedade e devemos observar diversos fatores, dentre eles, a direção não violenta”, reflete a adolescente.

 

Thauane Souza observa vários aspectos importantes para ser um bom motorista. Foto: Mary Leal | Ascom/SEEDF

 

O programa é pioneiro, começou em 2021, com estudantes dos 2º e 3º anos das unidades do Cemi Cruzeiro, do CED 7 de Taguatinga, do CEM 1 de Planaltina, do CEM 3 do Gama, do CEM 1 de São Sebastião e do CED Incra 8 de Brazlândia. No próximo ano, será ampliada para o público-alvo de todas as escolas do ensino médio da rede pública.

 

A ação é realizada pelo Departamento de Trânsito do DF (Detran-DF), em parceria com a Secretaria de Educação do DF (SEEDF). “A iniciativa tem essa formação cidadã com o aspecto global que envolve a cultura de paz e convivência respeitosa nas vias. Eu faço um combinado com os estudantes durante as aulas: eles têm de estar frequentes e não podem reprovar enquanto participam do curso”, conta Graziela Piloni, coordenadora pedagógica do Programa.

 

O Curso de Formação Teórica para Habilitação de Condutor de Veículos Automotores tem 90 horas/aulas no total. Os estudantes podem utilizá-lo como parte do processo teórico de obtenção da CNH após completarem 18 anos de idade. A economia dos estudantes da rede pública que fazem gratuitamente esse curso de formação teórica é de R$ 300.

 

O conteúdo programático prevê aulas de noções de cidadania, proteção e respeito ao meio ambiente e de convívio social no trânsito, direção defensiva para veículos de duas ou mais rodas, noções de primeiros socorros, legislação de trânsito e noções de funcionamento de veículos de duas ou quatro rodas (mecânica).

 

O estudante Yuri Pereira já completou 18 anos e pretende tirar carteira de moto e carro. Ele também está participando das aulas no CEM 1 de Planaltina. “Eu achei o curso ótimo porque já adianta alguns conhecimentos, adquirimos mais experiência e ficamos mais preparados para obtermos nossa CNH. Com esse curso temos uma abordagem  mais completa sobre os cuidados no trânsito”, afirma.

 

Yuri Pereira está na expectativa de começar o processo para tirar a carteira de motorista. Foto: Mary Leal | Ascom/SEEDF

 

A diretora do CEM 1, Nedma Guimarães, destacou a importância do trabalho conjunto entre os órgãos do governo para formação dos estudantes. “Iniciativas como esta são importantes pois mostram que o Estado está preocupado com a educação em sua totalidade. Esse curso é excelente porque ajuda na formação cidadã do aluno. Descentraliza a atuação dos órgãos, mas com a devida responsabilidade”, frisa.