Governo do Distrito Federal
16/01/23 às 12h58 - Atualizado em 16/01/23 às 13h20

Música de qualidade invade Brasília com Curso de Verão da Escola de Música

Mais de 3,4 mil alunos estão inscritos; concerto de abertura ocorreu na noite deste domingo (15)

Gizella Rodrigues, Ascom/SEEDF

 

A boa música vai tomar conta de Brasília pelos próximos 14 dias com a 44ª edição do Curso Internacional de Verão de Brasília (Civebra), que acontece até o dia 27 de janeiro. O concerto de abertura do Civebra ocorreu neste domingo (15/1), na Escola de Música de Brasília (EMB), e contou com uma aplaudida apresentação da Big Band.

 

Formada por músicos convidados, a maioria alunos e ex-alunos da Escola de Música de Brasília, e por alguns professores que vão ministrar aulas no curso de verão, a Big Band é uma espécie de orquestra, mas com a presença de instrumentos diferentes, como por exemplo a bateria, e tem um outro estilo musical.

 

Concerto de abertura do 44º Civebra foi feito pela Big Band | Foto: Henrique Medeiros, Ascom/SEEDF

 

Com a regência do maestro Joel Barbosa, a banda realizou as 10 obras que compõem a suite Coisas, de Moacir Santana. A apresentação durou cerca de uma hora e foi aplaudida de pé pelo público que lotou o teatro Levino de Alcântara, na 602 Sul.

 

Os subsecretários Júlio Cesar Moronari, de Planejamento, Acompanhamento e Avaliação (Suplav), Ana Paula Aguiar, de Gestão de Pessoas (Sugep), Nivaldo Vieira Félix, de Apoio às Políticas Educacionais (Suape), e Maria das Graças de Paula Machado, de Formação Continuada (Eape), acompanharam a abertura do Curso Internacional de Verão. “Qualquer investimento em arte é uma obrigação”, disse Júlio Moronari, em nome da secretária de Educação, Hélvia Paranaguá.

 

O Civebra é realizado desde 1977 e já se tornou um evento oficial no calendário da cidade. Todos os anos, o curso homenageia um artista conhecido em todo o mundo. Nesta edição, será homenageado o compositor, pianista e maestro russo, Sergei Rachmaninoff, além do arranjador, compositor, maestro e multi-instrumentista brasileiro, Moacir Santos.

 

Todas as noites, às 19h, haverá apresentações musicais com os artistas convidados do Civebra e também de Brasília, com entrada gratuita.

 

Edição deste ano homenageará o compositor e maestro russo Sergei Rachmaninoff e o compositor e maestro brasileiro Moacir Santos | Foto: Henrique Medeiros, Ascom/SEEDF

 

Aulas presenciais e on-line

 

Até o dia 27, os 3,4 mil alunos matriculados no Civebra poderão assistir aulas presenciais de 9h às 12h e de 15h às 18h. Também haverá aulas on-line, transmitidas pelo canal no YouTube da EMB.

 

Hoje, às 19h, haverá a palestra “Plataformas Digitais: o caminho do artista”, com o músico, produtor e jornalista David Dines.

 

 CONFIRA AQUI A PROGRAMAÇÃO COMPLETA DO 44º CIVEBRA 

 

 

Governo do Distrito Federal