Governo do Distrito Federal
23/12/22 às 18h18 - Atualizado em 29/12/22 às 9h35

Projeto Parque Educador contemplou 160 escolas em quatro anos

A iniciativa já atendeu mais de 11 mil estudantes da rede pública de ensino

Da Redação, Ascom/SEEDF*

 

Em uma parceria entre a Secretaria de Estado de Educação do Distrito Federal (SEEDF), a Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema) e o Instituto Brasília Ambiental (Ibram), o Projeto Parque Educador atendeu 160 escolas públicas em quatro anos. A ação tem como objetivo o desenvolvimento de educação integral, ambiental e patrimonial nas Unidades de Conservação do DF e já atingiu mais de 11 mil estudantes da rede pública de ensino entre 2018 e 2022.

 

O Projeto Parque Educador começou em 2018 e atingiu mais de 11 mil estudantes | Foto: Hugo Carvalho Sobrinho, SEMA/DF

 

As ações do projeto são realizadas por professores da Educação Básica da Secretaria de Educação. O diferencial do projeto é o desenvolvimento da educação para a sustentabilidade de maneira processual e duradora. Os professores e executores do projeto estiveram reunidos, no início de dezembro, para a realização da avaliação de 2022 e para o planejamento preliminar de 2023, ano em que o projeto comemorará cinco anos de atuação no território do Distrito Federal.

 

Em 2022, mais de 3.900 estudantes participaram do projeto de maneira ativa, crítica e propositiva. O idealizador da iniciativa, Hugo Carvalho, da Secretaria do Meio Ambiente, ressaltou a importância programa. “Não se trata apenas de uma aula de educação ambiental nas unidades de conservação do DF, pois de acordo com as modalidades do projeto, os estudantes participam de quatro a dez encontros formativos que contribuem ainda mais para seu aprendizado”, afirma.

 

Até este ano, o Projeto Parque Educador já foi realizado nas seguintes unidades de conservação: Estação Ecológica Águas Emendadas, Parque Ecológico Sucupira (Planaltina), Parque Ecológico Águas Claras, Parque Três Meninas (Samambaia), Parque Ecológico Saburo Onoyama (Taguatinga), Parque Ecológico e Vivencial do Riacho Fundo e Parque Ecológico Dom Bosco.

 

Alunos participam de encontros formativos que contribuem ainda mais para seu aprendizadoa | Foto: Arquivo do Projeto Parque Educador

 

*com informações de Hugo Carvalho, da Secretaria de Estado de Meio Ambiente do DF

Governo do Distrito Federal