Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
17/09/21 às 20h31 - Atualizado em 17/09/21 às 20h43

Escolas de ensino médio terão apoio financeiro

Programa lançado pelo MEC tem por objetivo o fomento à implementação da parte flexível do currículo

 

Malcia Afonso, Ascom/SEEDF*

 

Secretária de Educação do DF, Hélvia Paranaguá, representou o Consed na cerimônia de lançamento do Programa Itinerários Formativos, do MEC. Foto: Álvaro Henrique, Ascom/SEEDF

 

O Ministério da Educação (MEC) lançou nesta sexta-feira, 17, em Brasília, o Programa Itinerários Formativos, que irá promover apoio técnico e financeiro, entre outras ações,  para a implementação da parte flexível dos currículos do Novo Ensino Médio (NEM). A secretária de Educação do Distrito Federal, Hélvia Paranaguá, representou o Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) na solenidade, que teve a presença do ministro Milton Ribeiro.

 

Em sua participação no lançamento, Hélvia Paranaguá disse que a mudança no Ensino Médio representa um momento importante para o país, especialmente pela perspectiva de que os jovens saiam mais preparados para a vida profissional. “Portanto, é com muita alegria que o Distrito Federal recebe o Novo Ensino Médio, os itinerários e todo o arcabouço que vem para mudar a face dessa etapa de ensino”, afirmou. “Nós vamos ter um salto de qualidade na vida dos nossos estudantes, que nós vamos mensurar com o tempo”, completou.

 

O ministro da Educação ressaltou a importância do apoio financeiro às escolas. “O lançamento desse Programa não vem apenas com uma teoria. Em termos práticos, nós temos uma demanda financeira que vai auxiliar as escolas que foram selecionadas. De forma concreta, foram repassados, a mais de quatro mil escolas, cerca de R$ 360 milhões para a implementação das propostas de flexibilização curricular”, disse Milton Ribeiro.

 

Também compuseram a mesa os secretários do MEC de Educação Básica, Mauro Rabelo; de Educação Superior, Wagner Vilas Boas; e de Educação Profissional e Tecnológica, Tomás Sant’Ana.

 

Apoio

 

O Programa Itinerários Formativos possui quatro eixos temáticos:

 

Apoio Técnico e Financeiro às Escolas: que prevê adesão e seleção de escolas pelas secretarias e repasse de recursos via Programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE), para elaboração e execução de Propostas de Implantação de Itinerários Formativos;

Apoio à Implementação das Escolas-Modelo: que visa promover modelos de oferta do NEM e tem como foco a articulação entre os atores participantes do Programa;

Integração das Redes: que tem por finalidade o fortalecimento das estratégias de aprendizagem, visando ampliar as possibilidades de oferta de diferentes itinerários e unidades curriculares;

Monitoramento e Avaliação: que realizará estudos e avaliações junto às redes de ensino para avaliar a implementação do NEM, bem como identificar e disseminar boas práticas.

 

O acesso ao Programa se dará por meio da adesão das secretarias de educação, que se cadastrarão no Sistema Integrado de Monitoramento Execução e Controle do MEC (Simec), e confirmação de participação das unidades escolares por meio do PDDE Interativo.

 

No Distrito Federal, 92 unidades de ensino atendem 87.7 mil estudantes de Ensino Médio. Por terem sido contempladas em outras ações voltadas para a implementação do novo modelo, não serão contempladas pelo programa as 12 escolas-piloto do Novo Ensino Médio e as 23 unidades que atendem esta etapa em tempo integral.

 

Confira:

Solenidade e os esclarecimentos técnicos detalhados sobre o Programa Itinerários Formativos img-responsiva

Apresentação img-responsiva

Página do Novo Ensino Médio na Rede Pública do DF img-responsiva

 

*Com informações do MEC