Governo do Distrito Federal
7/10/22 às 16h17 - Atualizado em 10/10/22 às 8h14

Escolas técnicas do DF atendem mais de 13 mil estudantes

No total, são 14 unidades educacionais em funcionamento e outras duas em construção, em Santa Maria e Paranoá

Da Agência Brasília

 

O Distrito Federal conta, atualmente, com 14 escolas técnicas, que oferecem capacitações tecnológicas e qualificações profissionais para a população. A última unidade inaugurada foi a de Brazlândia, em 2021. No total, a rede de ensino técnico e tecnológico atende a mais de 13 mil pessoas.

 

Até o início do próximo ano, outros dois espaços começam a atender aos moradores. A Escola Técnica de Santa Maria recebeu aporte de R$ 11.851.515,59. Por sua vez, a Escola Técnica do Paranoá recebeu R$ 12,3 milhões em investimentos. As duas estão com obras em execução.

 

É uma modalidade educacional que busca preparar os estudantes para os desafios do mundo do trabalho, além da preparação para a vida cidadã, com o exercício de profissões técnicas com vistas à qualificação profissional e ao aperfeiçoamento”, explica o gerente de Atenção e Educação Profissional da Secretaria de Educação, Klever Corrente.

 

As novas unidades – Brazlândia, Santa Maria e Paranoá – foram construídas com base no padrão arquitetônico do Fundo Nacional da Educação (FNDE). São 12 salas de aula, diversos laboratórios (informática, química, física, enfermagem, entre outros), quadra poliesportiva, espaços administrativos, jardim, auditório, biblioteca, cantina, estacionamento e unidade de tratamento de esgoto.

 

As novas unidades, entre as quais de Brazlândia, de Santa Maria e do Paranoá, foram construídas com base no padrão arquitetônico do FNDE | Fotos: Tony Oliveira/Agência Brasília

 

Cada instalação deve atender, aproximadamente, 2,4 mil alunos. “Nosso sonho é que, de fato, a iniciativa se expanda, que cada região administrativa tenha um centro de educação profissional. A população que não tem acesso ao ensino superior pode se qualificar, se especializar para poder alcançar uma vaga profissional”, afirma Corrente.

 

Os cursos oferecidos são personalizados conforme a demanda da comunidade, que pode sugerir capacitações em audiências públicas, e com base em pesquisas da Instituto de Pesquisa e Estatística do Distrito Federal – IPEDF Codeplan sobre a população.

 

Na Escola Técnica Deputado Juarezão, em Brazlândia, por exemplo, são atendidos 651 estudantes em dois cursos técnicos – informática e enfermagem – e dois cursos de qualificação profissional – assistente administrativo e cuidador infantil. A estrutura, inaugurada em fevereiro do ano passado, recebeu investimento de R$ 14.742.345,45.

 

Na Escola Técnica Deputado Juarezão, em Brazlândia, são atendidos 651 estudantes em dois cursos técnicos e dois cursos de qualificação profissional

 

A diretora da unidade de Brazlândia, Alessandra Alves de Matos, afirma que há espaço para a entrada de novos estudantes, mas é preciso esperar que as turmas iniciais avancem nos estudos. “A cada semestre abrimos uma quantidade de vagas, porque os alunos vão caminhando nos módulos. A primeira turma de informática se formou em julho, e em dezembro será a formatura da primeira de enfermagem. A gente vê que os meninos saem daqui felizes, com grande perspectiva”, conta.

 

A nova unidade de Santa Maria vai oferecer o curso de técnico em radiologia, que ainda não estava disponível na rede pública de ensino, além de cuidados com idoso, em desenvolvimento de sistema e em rede de computadores. Os estudantes da escola do Paranoá poderão se capacitar nos cursos de técnico em desenho de construção civil e em edificações, bem como em serviços públicos e privados.

 

As escolas atendem pessoas a partir dos 14 anos, mas cada curso tem as próprias especificidades, já que alguns exigem maioridade, outros ensino médio completo e alguns não têm nenhuma exigência. Os editais para ingressar nos cursos são publicados no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF), com a descrição das vagas e o cronograma.

 

Confira o vídeo↴

 

 

img-responsiva Informações sobre as escolas, como endereço e telefone para contato, podem ser acessadas aqui.

Governo do Distrito Federal